07/11/2012

A regionalização da campanha Fortunati/Melo




A partir dos primeiros dias de setembro, um mês antes das eleições, a coordenação da campanha decidiu regionalizá-la, aprofundando a relação dos candidatos majoritários, Fortunati e Melo, com as populações das vilas e bairros das 17 regiões do Orçamento Participativo.

 

Para implantar de forma rápida esta estratégia, formaram-se coordenações regionais permanentes em todas as regiões do OP, constituídas de um representante de cada partido da coligação Por Amor a Porto Alegre. Criou-se também a figura do facilitador de cada coordenação regional, função essa desempenhada por lideres locais de grande experiência de atuação na região. Outra decisão importante da coordenação da campanha foi disponibilizar para cada região um contingente diário de ativistas que trabalhariam na região sob a orientação da coordenação regional. E o trabalho diário foi o de visitar casa por casa, comércio por comércio, rua por rua, até cobrir todas as vilas e bairros da região. Cada dia, a coordenação regional definia o roteiro de visitações a serem feitas e comunicava à coordenação da campanha. Em dias de chuva, as visitas eram substituídas pelo trabalho de contato corpo-a-corpo nos locais de grande concentração de pessoas na região.

 

É claro que este trabalho de conversas pessoa-a-pessoa só seria efetivo se tivéssemos jornaizinhos que comunicassem de forma leve, popular e contendo depoimentos de lideres locais e fotos, as principais realizações do governo na região. Em dez dias foram produzidos 15 jornais regionais desse tipo.  Uma liderança comunitária, ao ler um desses jornais, exclamou com entusiasmo: "agora sim podemos nos ver na campanha!".

 

Numa sala de situação no comitê central de campanha, mapas das 17 regiões do OP foram registrando as áreas visitadas dia após dia. A partir de meados de setembro, quando começamos a ter pesquisas de "tracking" sobre a situação da majoritária em cada região, tomamos duas novas iniciativas estratégicas. Primeira, concentraram-se esforços nas regiões em que a majoritária estava perdendo, ganhando apertado e naquelas em que havia índices elevados de votos indefinidos. Segunda, a partir da constatação de fraco desempenho da majoritária nas classes D e E, concentrou-se o trabalho de visitação nas vilas irregulares de cada região.

 

Muitos fatores contribuíram para a vitória espetacular de Fortunati e Melo no primeiro turno, com evidente destaque para a boa avaliação do governo e o excelente projeto de comunicação. No entanto, foi indiscutível a efetividade da regionalização da campanha e do trabalho de visitação de casa em casa. Fortunati e Melo venceram por ampla margem de votos em todas as regiões da cidade, sem exceção.

 

Compartilhe:





<< Voltar
Logo PMDB Porto Alegre


PMDB - Partido do Movimento Democrático do Brasil



Rua Riachuelo, 421 - Centro - Porto Alegre, RS - (51) 3212-2436 - pmdb@pmdbportoalegre.org.br